Neurologia

Crise convulsiva: o que fazer?


O que fazer:

  1. Mantenha-se calmo e acalme as pessoas ao seu redor;

  2. Evite que a pessoa caia bruscamente ao chão;

  3. Acomode o indivíduo em local sem objetos dos quais ela pode se debater e se machucar;

  4. Utilize material macio para acomodar a cabeça do individuo, como por exemplo; um travesseiro, casaco dobrado ou outro material disponível que seja macio;

  5. Posicione o indivíduo de lado de forma que o excesso de saliva ou vômito (pode ocorrer em alguns casos) escorram para fora da boca;

  6. Afrouxe um pouco as roupas para que a pessoa respire melhor;

  7. Permaneça ao lado da vítima até que ela recupere a consciência;

  8. Ao término da convulsão a pessoa poderá se sentir cansada e confusa, explique o que ocorreu e ofereça auxílio para chamar um familiar.Observe a duração da crise convulsiva, caso seja superior a 5 minutos sem sinais de melhora, peça ajuda médica.

O que não deve ser feito durante a crise convulsiva:

  1. Não impeça os movimentos da vítima, apenas se certifique de que nada ao seu redor irá machucá-la;

  2. Nunca coloque a mão dentro da boca da vítima, as contrações musculares durante a crise convulsiva são muito fortes e inconscientemente a pessoa poderá mordê-lo;

  3. Não jogue água no rosto da vítima.

Dr Camilo Azeredo CRMMG 38950 RQE 33175

Assuntos relacionados
Arquivo

Compartilhe

Consultório

Betim:

Rua Felipe dos Santos 674, sala 601.

Centro
31 3787-4742, 31 98260-6212

Belo Horizonte:

Rua Gonçalves Dias, 82, 4º andar, Funcionários

31 2516-2814

© 2017 Dr. Camilo Azeredo